Envio em 24 - 48 horas e GRÁTIS para encomendas superiores a 29€!

Carrinho de Compras

O seu carrinho está vazio

Continuar a Comprar

'Tribos da Europa', nova série Netflix

Será o sucessor de 'Game of Thrones'?

Uma Europa pós-apocalíptica de 2074 no caos total abraça e define esta série Netflix. Trata-se da nova série alemã 'Tribes of Europe', uma distopia que, aparentemente, se inspira no Brexit.

Para saber por que a Europa se encontra nessa situação da série, temos que olhar para trás e voltar a 2029. Neste momento, o continente sofre um desastre global que acaba desencadeando a maior guerra tribal até hoje: o apagão mundial que marcou o fim da civilização conhecida e que faz desaparecer todo o mundo tecnológico. O planeta, portanto, retorna novamente à Idade Média sem eletricidade.

Fomos plantados em 2074 com uma Europa dividida em micronações dominadas por várias tribos que lutam entre si pelo controle total. Todos menos um, a pacífica tribo 'Origine', à qual os três irmãos principais pertencem. No entanto, eles finalmente terão que se envolver na guerra a partir do momento em que um estranho pousar nos arredores em que esta tribo está assentada com um cubo que emite uma energia estranha e que todas as facções desejam possuir.

Os três irmãos Kiano, Liv e Elja são separados e envolvidos em uma guerra terrível após encontrar este cubo.

A partir daqui, os irmãos são inevitavelmente chamados a reconstruir o continente a partir dos seus escombros, enfrentando, para o conseguir, a tribo dos Corvos. Estes são os inimigos mais implacáveis e ferozes representados por um violento exército que pretende dominar o continente invadindo, exterminando e explorando inúmeros escravos.

SUCESSOR DE 'OS 100' OU 'JOGO DOS TRONES'

'Tribus de Europa' é uma série alemã dos mesmos produtores de ' Dark ', embora seja mais orientada para a aventura e com um enredo um pouco mais linear. Tudo isso resulta em seis episódios que apresentam a história de maneira eficaz do início ao fim, sem fillers que levam a uma série de episódios ou temporadas infinitas.

Existem alguns elementos que caracterizam esta série e a diferenciam de outras produções. Uma mistura de misticismo, pós-apocalipse, protagonismo juvenil, explosões de violência e ação e um bom trabalho de atmosfera.

Mesmo com tudo isso, a série também deixa claro quais são suas referências. De 'Los 100', série em que protagoniza jovens personagens; até 'Jogos Vorazes' em estéticas que refletem as tribos mais pobres e confrontos mortais para divertir outros grupos.

Poderíamos até encontrar semelhanças com o sucesso de 'Game of Thrones' e a história dos irmãos separados, com uma dose menos épica neste caso.

Como começamos no início deste texto, foi comentado que 'Tribos da Europa' se inspira no Brexit e que Philip Koch, seu criador, imaginou seu ponto de partida um dia após o referendo. Embora a série não seja muito discursiva e o que mais suscita são as diferentes possibilidades de algumas tribos acolherem outras. Assim, por baixo de tudo está a mensagem de quão compreensível e desejável é o desejo do ser humano de pertencer a um coletivo. Posto isto, apreciamos que, apesar da violência tão presente nesta série, a mensagem final é mais positiva do que negativa.

E você acha?